...

“Perdidamente apaixonada
por essa vida insana,
permito-me dela ser mucama.
Pois de perto a espreito e tiro dela,
em silêncio,
o melhor proveito...”

Marta Rodriguez

***
Vídeo Poema do Poeta Amigo, "Carlos Neves"

3 comentários:

Carlos de Thalisson T. Vasconcelos disse...

Legal.

Carlos de Thalisson T. Vasconcelos disse...

Não, engana-se. É que eu não posso expressar muito sobre um poema, se este não despertar sentimentos em mim. É aquela coisa: na música, por exemplo, as que mais gostamos são aquelas que nos fazem recordar ou (pres)sentir alguma coisa. Nossas visões poéticas sobre a vida são aparentemente diferentes. No caso deste poema aqui, você usa o silêncio para enfrentar a vida. Eu uso o grito.

Marta Rodriguez disse...

Lindíssimo poema caríssimo amigo Carlos Neves! É um prazer imenso tê-lo como amigo e poder ainda desfrutar de seus belíssimos escritos. Bem-vindo à minha casa...